CraqueNeto10 - Essa Copinha é uma ABERRAÇÃO!

Essa Copinha é uma ABERRAÇÃO!

Se não me engano o ano era 1983, eu entrava em campo pelo Guarani para disputar minha primeira e única Copa São Paulo de Juniores. Lembro que eram uns 20 times,  apenas os melhores e maiores clubes estavam na disputa. Só tinha moleque bom de bola e a competição era intensa. Passados quase 35 anos no que se transformou esse torneio, hein? Pra mim, com toda a sinceridade, uma ABERRAÇÃO! Gostaria de saber que campeonato no mundo reúne 128 times em 32 grupos e mais de 2 mil jogadores? Só pode ser piada de mau gosto!

O mais politicamente correto vai dizer que todos os garotos merecem uma oportunidade na vida. Merecem sim, mas pra isso servem peneiras e afins. Não acho que um torneio da importância histórica da Copinha tenha que ser usado de testes. Acho um absurdo, pra dizer bem a verdade. Tem vários times que alguns empresários montam e batizam só para, digamos, expor suas MERCADORIAS. Me desculpem pela expressão, mas essa é a grande REALIDADE! Hoje o menino pra jogar bola não sabe se procura um clube ou um bom empresário pra ter uma chance. Pra falar a verdade hoje a segunda opção é bem mais viável.

Quando você abre brecha no regulamento pra tanta gente, o torneio é nivelado por baixo. Começa a valer mesmo lá pelas quartas-de-final quando os melhores ficam. E vocês acham correto enganar o público com joguinhos meia-boca? É só goleada inexpressiva que não agrega nada. Um monte de moleque ruim de bola e despreparado. Uma coleção de câimbras.

Olha amigos, sei que sou chato muitas vezes, mas penso no bem do futebol. Essa Copinha que parece Copona inchada pra mim perdeu a magia de outros tempos.

123 comentários

  1. Alex 7 janeiro, 2018 at 12:49 Responder

    Fala craque Neto!
    Dessa vez vou ter que discordar de você.. dentro de elencos com 20 moleques perna de pau, tem um ou dois que se destacam e, sinceramente, acredito que é muito difícil um moleque bom de bola lá do ‘interior do interior’ do país chegar a um Corinthians pra jogar, mesmo sendo bom..
    Tem lugar por aí que não tem nem água enganada ou esgoto tratado.. tem jogador que com 16 anos trabalha em olaria..
    O câncer do futebol brasileiro são os cartolas mal intencionados e empresários gananciosos e, estes sim, transformam a copinha em aberração.
    Assisti poucos jogos nessa copinha, mas dou destaque pro 11 do time de Tubarão/SC.. moleque bom, e que embora esteja em um clube de história, não é certamente um dos “32 grandes”.

  2. Alceu 7 janeiro, 2018 at 13:01 Responder

    Peneiras ? Vc acha q clubes grandes vao ate esses guri que precisam de uma oportunidade ? Os time grande tao passando sufoco com esses times pequenos.

  3. Fabio Atala 7 janeiro, 2018 at 13:17 Responder

    Craque Neto eu tenho observado isto também. Outro fator é os caras habilidosos e franzinos tem sido detonados pelos fortoes ruins de bola. Nosso futebol ta muito ruim de assistir.

  4. Reilan 7 janeiro, 2018 at 13:23 Responder

    O melhor dia da minha vida foi quando o Márcio Araújo saiu do Flamengo e foi pra chapecoense e qual foi o melhor dia da sua vida neto

  5. Fulvio 7 janeiro, 2018 at 13:29 Responder

    Neto, vc acredita que possa surgir um craque em um time do Norte do país? Falo em questões de investimento não em menosprezo.

  6. Alexandre 7 janeiro, 2018 at 14:18 Responder

    Você não sabe oq fala , não é atoa que foi eleito o segundo ano consecutivo como pior comentarista , eleito pelos jogadores em atividade, o melhor campeonato de base do mundo e vem você falar que tem que diminuir o número de times, você não é chato é burro mesmo. VAI CORITNHIANS, VAI ANDRÉS !!!

  7. Deninho Marcelo 7 janeiro, 2018 at 14:32 Responder

    Esse time do Corinthians que está aqui em Araraquara é horrível. Esse tau de Oya camisa dez é ridículo. E ele é camisa 10 !!! Meu Deus !!!!!!!

  8. itamar 7 janeiro, 2018 at 14:32 Responder

    não vc ta errado quantos garoto não sonha com essa competição so oq vale pra vc e time grande pq eu não vejo esses craque nesses time grande . vamos se bem realista nem no profissional hoje em dia tem um craque de respeito pra vesti a 9 ou 10 no brasil não tem

  9. Azevedo 7 janeiro, 2018 at 14:36 Responder

    Boa Neto !!!! Sou pai de atleta que está no Santos FC a quase 9 anos , não temos representante e por causa disso , os escolhidos para a copinha passaram por uma triagem e te digo , foram os que realmente tinham interesse para treinador/empresários nada por merecimento técnico e te provo tudo isso .
    Não estou aqui fazendo um desabafo mas já tínhamos a certeza que se não arrumássemos representantes ele não iria para a copinha , palavras do próprio técnico. Que acabou por não levá-lo e sim levando só um jogador da sua posição os outros improvisados , nada contra mas foi notório toda essa situação. Gostaria que vc comentasse mas sem divulgar meu nome com medo de sofrer represarias dos envolvidos nessa maracutaia toda. Desculpa o desabafo , todo pai acha que seu filho é e sempre foi craque , mas digo para vc que não é o caso desse atleta . Neto quando vc comenta sobre futebol expondo suas opiniões sendo totalmente direto vc abre seu coração para isso , parabéns sou seu fã , vc não tem papas na língua fala o que pensa.
    Desculpas novamente e obrigado.

  10. Mano 7 janeiro, 2018 at 15:03 Responder

    Muitos moleques bons de bola de fora da base de grandes clubes só tem essa competição pra ganhar evidência. Raí, ídolo do bambi, foi revelado na Copinha jogando pelo Botafogo de Ribeirão Preto.

  11. Mauro Cezar da Silva Guimarães 7 janeiro, 2018 at 15:36 Responder

    Caro Neto, você fez a pergunta, que campeonato no mundo reúne tantos times, vou te responder, A COPA DA INGLATERRA, são 500 times!

  12. Julio Mendes 7 janeiro, 2018 at 16:18 Responder

    Sempre sobra os mesmos nas oitavas..bom a molecada sair de um estado longe de já é um sonho.. talvez seja a única oportunidade da vida..o q falta e torneios regionais e depois copas dos campeões destes torneios..daí iria fortalecer os times locais para poder chegar numa disputa nacional.

  13. Junigleison 7 janeiro, 2018 at 16:30 Responder

    E aí Neto blz?? Ano passado o time aqui da minha cidade derrotou o todo poderoso Fluminense, é por isso e outras que a copinha ajuda a divulgar alguns talentos que ficam escondidos, aqui no Tocantins e em todo o norte brasileiro.

  14. Sérgio Souza 7 janeiro, 2018 at 17:47 Responder

    Tb acho craque Neto, e tem mais sou saudoso tb dos tempos que tinham varios jogos bons aqui na capital.
    O aniversário é de SP e só tem jogos no interior, deveriam jogar mais aqui na capital pra podermos assistir alguns jogo, mas nem na tv aberta passa mais como antigamente passava na Tv Cultura…
    Bons tempos….

  15. Rennan 7 janeiro, 2018 at 18:00 Responder

    Repito mais uma vez assim cm no ano passado,o nível técnico é mt fraco e cd vez mais só piora,eu vi Nacional x São Paulo-AP na internet o jogo foi horrível,tinha jogador q mal sabia dominar a bola,vi uns pedaços de jogos e nem quis ver mais,tá mt ruim,do jeito q tão inchando a Copinha no futuro vão jogar times de várzea,como o Ajax da Vila Rica,Boa Esperança de São Mateus,Caju FC e por ai vai,e ai Netão?pq serve os aspones da FPF como o Mauro Silva e etc pra barrar esses Nº mor de clubes?eh pq $ na mão eh vendaval ou estou enganado???

  16. Anderson 7 janeiro, 2018 at 18:32 Responder

    Craque Neto Você,Não Acha que O Neymar
    As Vezes, é Mais Popstar Do que Jogador de
    Futebol, Ele é Um Baita Jogador Mais Vezes Mídia Exagera, No seu tempo Um jogador Era uma Celebridade

  17. Johl 7 janeiro, 2018 at 18:55 Responder

    Você não é chato muitas vezes… Você é chato SEMPRE…!!!
    Não é um modelo ideal… Mas da oportunidade para muitos times e jogadores do interior do Brasil inteiro.

  18. Marciano Silvestre da Silva 7 janeiro, 2018 at 19:05 Responder

    Por esse prisma só teriamos os clubes chamados grandes.
    E a integração, intercâmbio não tem validade nenhuma?

  19. Nano 7 janeiro, 2018 at 19:12 Responder

    Pra mim vc disse merda falar q a copa São Paulo virou piada, só pq tem tantos times (meia bocas) isso eu concordo porém hoje está muito difícil talvez seja por ter tantos times oq antigamente me lembro bem era goleadas de seis sete pra hoje tem goleadas porém com jogos importante mesmo com equipes pequenas o Fluminense perdeu pra quem vc conhecia esse time esses meninos ou se não tivesse esses times todos aonde iriam tantos jogadores bons como vemos aí pra mim tem q ter não 120 pra mim tinha q ser é muito mais times pra aparecer esses mlks q jogam e tentam a vida no futebol até pq será ou pode ser suas últimas chances nesse país de ladrões.

  20. Nuno 7 janeiro, 2018 at 19:49 Responder

    Neto um jogador ser campeao dessa copinha não quer dizer mta coisa…o Lulinha foi campeao pelo Corinthians e não chegou a lugar nenhum…em contrapartida o Neymar não foi campeão com o Santos…mais no mínimo a cinco anos é o melhor jogador brasileiro em atividade no mundo…hoje esse torneio não serve para nada só ver quantos jogadorés que disputaram o ano passado hoje viraram profissionais…Carlinhos do seu time é um exemplo mais recente disso.

  21. otacilio 7 janeiro, 2018 at 20:24 Responder

    neto o q tu acha do zagueiro mas caro da história o belga Van Djik valer 85 milhões de euros? n limpa a chuteira do T. Silva por exemplo.

  22. joão 7 janeiro, 2018 at 21:35 Responder

    Craque Neto más o Brasil é muito grande tem muitas lugares que por exemplo que nem eu e você conhece.é por isso que tem muitos times a copinha.Tem muitas mulekadas boas de bola por aí.Sem essa copinha como um jogador que mora lá na Amazonas,Pará,Roraima,Tocantins e Acre vai ter oportunidade na vida de jogar Bola profissionalmente?

  23. Jailson Almeida 7 janeiro, 2018 at 21:56 Responder

    Boa noite Neto, quando vc volta a apresentar Os Donos da Bola?
    O Fernandinho é um baita repórter, mas não tem personalidade pra meter o pau nessa boleirada pé de rato .
    Um abraço e um bom 2018.

    JAILSON
    São Bernardo do Campo

  24. Cidval Santana 7 janeiro, 2018 at 23:48 Responder

    Neto , boa noite !

    Sou carioca , moro no Rio e sou torcedor do Botafogo, mais não por isso deixo de admirar um craque , um bom futebol , seja em q time for .
    Concordo com você em número, gênero e grau , enquanto o futebol brasileiro , ou nosso país, estiver com esse pensamento de beneficiar alguns empresários, ou pessoas mal intencionados, vamos viver nessa mediocridade.

  25. Alemao 8 janeiro, 2018 at 00:37 Responder

    Neto,
    Pq nao vemos mais jogador chutar bola no gol e gols de falta? Vejo varias jogadas que o jogador esta de frente pro gol e prefere enfiar a bola pra uma jogada de profundidade do que testar o goleiro…. Acho que isso é fruto desses departamentos de estatistica, que ficam calculando quais jogadas tem mais chamce de resultar em gol…. E os treinadores ficam martelando essas jogadas.. E chega um ponto que o jogador nao pensa mais… E so faz aquilo que “é programado” …. Acho que por isso vc acha os jogadores hj em dia tao fracos. E eu concordo… Eles nao pensam, as vezes sabem fazer malabarismo (que nao serve pra nada), mas nao tem mais visao de jogo e ousadia. Lembro muito bem daquele seu gol de falta contra o flamengo… Ate o narrador assustou! “Olha da onde o Neto vai chutar” … E pimba na gorduchinha! Coitado do Gilmar !!!

  26. Alex sandro 8 janeiro, 2018 at 04:40 Responder

    Neto vc tem toda razão times que nem figuram no cenário nacional ja fui gestor de um sub 20 e sei como e treinam a molecada o ano todo quando comeca a copinha vem os empresários e montam seus times.
    E uma vergonha esse fitebol brasileiro meu amigo.

  27. Fernando 8 janeiro, 2018 at 05:16 Responder

    Ja que vc gostaria de saber:
    Copa da Inglaterra – FA CUP ( Simplesmente é a mais antiga competição de futebol do mundo)
    Edição : 2016/2017
    Clubes participantes: 737
    Atletas inscritos: + de 20.000
    De nada, Neto ( ficou sabendo + uma ).

  28. Diego 8 janeiro, 2018 at 06:47 Responder

    Craque Neto, também acho que o nível reduziu muito. Na minha opinião, essa cozinha tinha que ser redesenhada em um tempo maior, dividindo em duas fases classificatórias. Uma em Dezembro com 200 times e a fase final (em Janeiro) com 32 times como a copa. Daí sim ficaria interessante e com qualidade. O que acha?

  29. Gabs 8 janeiro, 2018 at 08:11 Responder

    So uma pergunta…
    Se é uma aberração, e tão ruim como diz….Por qual motivo você colocou uma foto do corinthians campeão??

    Ele é horrível assim, mas você adora exaltar que o corinthians é o maior campeão??

    Os caras acham você um péssimo comentarista por causa disso….

  30. Erivelto 8 janeiro, 2018 at 08:18 Responder

    Aí vc tem toda razão, são garotos wue munca jogaram bola na vida em campinho de chão batido. Era daí que saia os grandes craques, das favelas , eu por exemplo senpre joguei em terrão, e descalço. Hoje. Issonã existe mais.

  31. Amargo de SBC 8 janeiro, 2018 at 08:42 Responder

    Copinha é show de humor, só serve pra darmos risada das presepadas dos pés-de-rato em campo e seus apelidos bizarros

  32. bruno 8 janeiro, 2018 at 09:01 Responder

    acho q nao neto. Copinha fala sério?? Quem liga?? Serve mesmo para os moleques mostrar seu potencial e ter um chance na vida. Muluque la do fim do Brasil acaba jogando bem e ganha um chance no profissional e ja tem vida feita, mesmo so nas quartas q vale a pena assistir da pra ver se tem potencial os muleques..

  33. Getulio 8 janeiro, 2018 at 09:08 Responder

    Para ser campeão da Copinha 2018, um time terá que passar por sete fases ou seja nove jogos, sendo seis de mata-mata em um período curto de 23 dias. Na primeira fase, as 128 equipes foram divididas em 32 grupos, com sedes diferentes. Os quatro times de cada chave jogarão entre si, em turno único, classificando-se para a segunda fase os dois clubes que tiverem o maior número de pontos ganhos em cada grupo.

  34. Pedro Delsoto 8 janeiro, 2018 at 09:11 Responder

    A copinha serve para revelar jogadores para time grande sim, se não nem precisaria de copinha os Sub-20 da vida ai de times grandes já disputam um monte de campeonato e torneio, se não fosse para achar jogadores não precisaria ter, um exemplo claro é o Valdívia que hoje joga no Atlético-MG jogou por um time meia boca ai e hoje é

  35. Rodrigo Carmona 8 janeiro, 2018 at 09:24 Responder

    Essa copa São Paulo é apenas para tampar buraco dentro do período de competição esportiva e para ter jogador de empresário sendo mostrado. Jogo a cada 03 dias para cada clube , péssimos times entre outros. Para ver algo d mais qualidade desses moleques , compensa muito mais assistir os demais campeonatos de base só com os clubes mais fortes , do que essa famigerada copinha São Paulo.

  36. Jhonny 8 janeiro, 2018 at 09:54 Responder

    Você sabe muito bem a máfia que é o futebol com suas peneiras e etc, portanto a copinha é a oportunidade para um garoto que não tem um bom empresário, mas tem potencial, ser observado. Não vejo problema nenhum em vc unir a qualidade dos “20” melhores times com a oportunidade para os outros 108. Não perde a magia não. Pelo contrário, vejo que essa é a magia do futebol hoje elitizado. Você vonseguir unir em uma copa, times de lugares mais distantes e desconhecidos fo país e de quebra dar oportunidade a quem nunca teria uma! Falou besteria!

  37. lu 8 janeiro, 2018 at 10:07 Responder

    Concordo em partes com vc Craque Neto.

    Realmente como vc disse tem muitos times inscritos e muitos desses feitos por empresários como forma de loja por esses empresários sangue sugas que só pensam no dinheiro.

    Mas vc não acha que ao mesmo tempo é uma forma boa de tentar descobrir algumas pedras precisoas no meio desses 2000 jogadores?

    Abraçosss…

  38. Junior Moreira 8 janeiro, 2018 at 10:31 Responder

    Bom dia, Neto.
    Essa quantidade de time ruim, só serve para fazer falso ARTILHEIRO, para empresários valorizar seus jogadores meia boa. Pega esses times de jogadores sem base alguma e mete goleadas atrás de goleadas, e com isso fazer artilheiro sem méritos.

  39. Maykon Alves 8 janeiro, 2018 at 11:27 Responder

    Neto, mudando de assunto.. Caso se concretize o Ceifador no Corinthians.. qual a sua opinião? É o melhor disponivel no mercado?

  40. Cobra 8 janeiro, 2018 at 12:09 Responder

    Craque Neto muitos criticam o Fred pela copa de 2014, mas poucos sabem que ele pode ter jogado machucado no sacrifício, pois é bom de bola.

  41. edvaldo 8 janeiro, 2018 at 12:19 Responder

    fala Netao, blz
    na realidade acho justo, o que nao concordo eh desloca-los por milhares de km nas piores condiçoes possiveis, pra de modo geral fazerem apenas 2 jogos.
    na minha humilde opiniao, deveriam fazer um torneio por cada regiao ou cidade, dai os 4 melhores viriam pra disputar o torneio.

  42. Lucas 8 janeiro, 2018 at 12:25 Responder

    Sabe aquele pé de rato do Willians jogador do Cruzeiro que foi emprestado ao Timão, não é aproveitado em Minas e recebe mais de 200 mil do Cruzeiro, absurdo . Como os dirigentes erram gastando dinheiro em perninha de anão.

  43. Diaslen 8 janeiro, 2018 at 12:59 Responder

    Neto, concordo com você, mas temos que ver pelo lado dos clubes menores. Que outra competição esses times teriam para disputar? Que outra oportunidade teria para mostrar o trabalho? O Brasil tem muitos times como esses, e isso serve para vermos o quanto o esporte é ignorado no interior no país, com times sem estrutura para treinar, sem condições para os atletas… A copinha está aí pra isso pra mostrar que tem garotos com talento no interior e que merecem ser vistos. Se colocassem só os times fortes seria para bem dos clubes e não para o bem do Futebol.

  44. Flavio 8 janeiro, 2018 at 16:00 Responder

    Se o problema maior nesse país fosse só a quantidade de times que disputam a copinha, já tava bom… mas concordo que maior quantidade não significa melhor qualidade. Mas no final das contas, quem liga pra copinha? Serve pra revelar jogadores apenas e tapar buraco neste período que não começa os torneios regionais (que também não servem pra nada), o campeão é logo esquecido. Nem de Libertadores sub-20 as pessoas lembram

  45. Zanatta 8 janeiro, 2018 at 21:16 Responder

    Neto! Pra mim sabe, muito de bola! !!devia ser um grande líder nos clubes que passou! isso causa muita inveja, nas pessoas, assim como Rogério Ceni! ! Cracaços de bola! !não esquenta o sucesso dos outros incomoda, nesmooooo! ! És forte na personalidade! !porque nunca houve interesse de trabalhar no futebol dentro do campo, propriamente dito? ?? Acho que terias contribuído muito! !! Um abraço! Zanatta…

  46. Alan 8 janeiro, 2018 at 23:24 Responder

    Parabéns por mais um acerto, eu cantei a pedra do Lucas Lima no time sem Mundial, no meu trabalho, quando você disse no meio do ano passado em seu programa, realmente nem os torcedores do Palmeiras não botaram fé. Mais você calou eles, e digas se de passagem passaram a acompanhar seu programa. Kara parabéns te admiro muito, você é apresentador mais real da tv. É nóis vai curinthia, e manda uma camisa para um fã, forte abraço e um feliz ano novo.

  47. Nelson Medeiros 9 janeiro, 2018 at 08:03 Responder

    Craque, o que vc acha desse modelo que eu proponho:
    De outubro a dezembro fazer pré-campeonatos regionais selecionando só os melhores de cada região
    Assim em Janeiro só teríamos a NATA da base do futebol brasileiro … e fariamos uma copinha com 32 times no estilo COPA do MUNDO com sorteio e grande audiencia para a TV

    Diz ai monstro sagrado!

  48. laylson barros da silva 9 janeiro, 2018 at 10:33 Responder

    O problema não é a quantidade de integrantes na Copa, mas a atenção que nossos clubes dão a nossa base e mais, ao valor que os dirigentes e imprensa dão aos nossos clubes. O nosso futebol está nivelado por baixo e bem por baixo. Os times grandes do Brasil são grandes no Brasil. Se romper as fronteiras outros clubes com menos expressão já se equiparam com nossos gigantes nacionais e se atravessarmos o continente, somos minúsculos diante de clubes Europeus, algo que não acontecia e 15, 20 anos atrás, onde jogávamos na Europa e os jogos eram disputadíssimos e até venciamos, porém. hoje em dia, tenho que ouvir que o Grêmio honrou o nosso futebol. Pra mim honra quando vence e os gigantes europeus sempre foram gigantes. Nós é que diminuímos.

    Nosso futebol sempre foi diferenciado pela qualidade indivudal de nosso atletas, mas como o nosso futebol quer igualar a Europa na tática perdemos nosso diferencial técnico, mesmo porque nossos meninos não tem estrutura pra entender que, mesmo, jogando futebol é necessário estudar e o resultado é que poucos se destacam.

    Um campeonato de 128 clubes pode ser ruim pela qualidade do futebol e pode ser bom pelo mesmo motivo, pois se um corinthians ou flamengo, enfrentarem um clube sem expressão, teoricamente deveriam vencer, por 10, 11, 12 a 0. Caso isso não ocorra é pq a base dos grandes não rende, pois eles tem dinheiro pra evoluir, os clubes sem expressão não.

  49. Gabriel 9 janeiro, 2018 at 12:21 Responder

    Tanto Corinthians quanto Guarani foram mal esse ano… Ainda bem q n é parâmetro mesmo… Senão perderíamos nosso craque de 90

  50. Vanderlucio Martins 9 janeiro, 2018 at 13:22 Responder

    Neto! As vezes você é muito inconveniente, a copinha e para revelar grandes jogadores, no meu ponto de vista você queira que a copinha seja uma grande copa do mundo, pense um pouco antes de falar merda por ai! Você tem influência no futebol ai facilita colocar seu filho em um grande clube, e aqueles de Estados sem muita expressão? Vão aparecer como? Faz o seguinte, da uma passadinha aqui em Uberlândia e olha os grandes talentos que com certeza destacaria no futebol mundial, o grande problema nessas peneiras e que são cobradas dos jovens jogadores e bem sempre todos tem grana pra investir! Então faça uma análise em seus comentários ridículos, quem fala o que não deve ouve o que não quer!

  51. ney 9 janeiro, 2018 at 14:57 Responder

    Neto aki em carapicuiba tem um cara q joga mais mta mta bola , se tivesse jogado uma copinha tinha arrebentado . foi para o corinthians nao ficou por causa de um empresario picareta que jogou na portuguesa (josias) .NETO estao acabando com nosso futebol os mlq joga vc nao ve um rolinho um L um chapeu de carretilha um elastico nem um drible da vaca tem mais. por causa desses pilantras chamados de EMPRESARIOS DA BOLA.

  52. Rafael 9 janeiro, 2018 at 22:33 Responder

    Neto, você viu esse Otero do Atlético de Minas? Como o cara bate na bola… Eu nem via Treles e Scarpa. Ele seria uma boa para Timão. Concorda?

  53. Edy 11 janeiro, 2018 at 13:11 Responder

    Fiz peneira no guarani em 95(parque ecológico) passei e fui continuar teste no clube,uma semana depois Donizete que vc conhece bem, disse que eu era bom de bola mais não tinha olho verde e nem padrinho para jogar no guarani. É mais fácil ganhar na mega do que passar em peneira

  54. Otávio 11 janeiro, 2018 at 13:36 Responder

    Neto, a verdade é que a Copinha em termos de importância foi substituída por campeonatos juniores homônimos aos profissionais, como Brasileiro e Copa do Brasil sub-20, exceção à sobrevivente Copa-RS de juniores, nesses campeonatos sim se vê bons jogadores e grandes times. Acho que deveriam criar um campeonato de testes assim com muitos times, mas com outro nome e encaixar novamente a Copinha nos grandes torneios citados.

  55. Robson 12 janeiro, 2018 at 16:58 Responder

    Neto vc se gabando que o curintia tem 10 copinhas é patético, comemorar copinha é coisa de time pequeno me desculpe. E realmente o Palmeiras não tem copinha mas não nos incomoda porque o Palmeiras é o maior campeão nacional e não é copinha que vai mudar alguma coisa no clube.

Deixe uma resposta para itamar Cancelar resposta